MUSO SOUP SINGLES #31.3: Gebrüder Manns, Roos, Roos Meijer, Loose T., Becca James, Samche, Dominoe e outros artistas voltados para o Rock, Indie/Alt, Eletropop, R&B/Hip-Hop e mais



ROCK
01 - CRIMSON CLEAN SWEEP
Originalmente começando como uma banda de tributo aos Beatles, eles estão de volta ao site com seu segundo lançamento. Após 'Hexes', eles revelaram na segunda quinzena de Junho a faixa 'Reflections' em todas as plataformas de streaming. 

Não somente para esse trabalho, mas também como para outros singles da banda, eles trazem uma mescla entre uma sonoridade própria (apresentando até elementos indianos no instrumental de 'Reflections'), como também a influência de nomes como Metallica, The Cure, Korn e o movimento do metalcore. 

Este single foi gravado com um amigo de longa data da banda Caleb Webster. Caleb já havia produzido EP's de sua banda Plains (em que Cole também fazia parte) e a banda anterior de Cole, Body Shot. Na faixa, eles tratam da aversão a si mesmos, além de lidar com a decepção de ver a si mesmo e seus fracassos quando você se olha no espelho. Muito parecido com os espelhos assustadores de filmes de terror, você é testemunhar uma versão de si mesmo que não é realmente você, mas sim um exagero horrível de si mesmo (ou mesmo algo totalmente diferente).




02 - GEBRÜDER MANNS
Diretamente de Berlim, o grupo feminino de rap metal traz uma sonoridade repleta de autenticidade, atitude e elementos enérgicos para ambas as faixas que conhecemos recentemente e resolvemos apresentar para vocês dentro do site. 

Depois de um ano hiato de 20 anos, elas retornaram com a formação clássica e lançaram alguns trabalhos a partir de 2018, fazendo um viagem ao tempo entre crossover de gêneros como o nu metal, rap rock, hard rock e o rock alternativo, nos mostrando a influência clara de nomes como Rage Against The Machine, para a faixa 'Different Voices'. 

Em geral, elas colocam suas músicas letras sobre a vida em pequena e grande escala: Mania de beleza e culto juvenil, otimização do corpo e ego virtual, ressurgimento do extremismo e desumanidade, brutalidade e ingenuidade, amor, sexo e morte. As letras giram em torno desses temas, às vezes em alemão pesado, às vezes em dinamarquês ainda mais pesado, a segunda língua materna de Marie, mas principalmente em inglês.

Ouça não somente essa faixa, como também 'Embrace Your Pain', abaixo:




03 - ROOS
É um artista alemão que na segunda quinzena de Junho lançou a faixa 'Dunkelheit', em parceria com SabAh & Tie Esz One.

Após ter uma banda entre 1996 e 2006, ele se envolveu em outros projetos, escrevendo para novos artistas, além de ter também novas ideias e canções para trabalho solo. 

Procurando uma sonoridade única, ele mesclou suas letras do hip-hop alemão a batidas dark que flertam entre o cinemático e o rap rock. 

Uma amostra desse trabalho pode ser ouvida abaixo:



04 - SONGS FOR SABOTAGE
Depois de dois meses, a banda estadunidense de LA está de volta com videoclipe de 'Phantom'.

Neste videoclipe e música, a banda apresenta uma sonoridade que passa por um leque de estilos como o darkwave, post-punk, shoegaze, rock noventista e alternativo, num vocal feminino muito bem mesclado com cada um dos elementos instrumentais e ritmos. A música foi inspirada por duas pessoas que a banda conheceu e o teor lírico é diretamente de traumas passados que foram consequência de parcerias tóxicas, como a definiu em release oficial.

O diretor musical / guitarrista Richey Rose acrescenta: "Phantom descreve no momento em que você percebe que o relacionamento não serve para nada, e você essencialmente se prendeu. A lâmpada apagou e você fica tipo, ‘ok, eu preciso fazer algo agora!’ ... daquele segundo em diante
é sobre deixar o passado para trás, tanto física quanto mentalmente."

Songs for Sabotage escreveu, gravou, mixou e masterizou o Phantom na primavera passada em seu estúdio caseiro em Los Angeles. É o segundo single que eles lançaram desde seu álbum de estreia Night of Joy saiu em setembro passado.



FOLK
05 - CHARLOTTE HALL
Artista do Reino Unido, ela lançou também em 18/6 uma faixa voltada para estilos como o folk (seja por conta do estilo vocal, do violão ou do belíssimo solo de violino presente num momento crescente da música), além de apresentar solos característicos do Country dentro da música 'Braid', onde ela fala sobre um amigo em específico, mas também sobre uma experiência que a fez ver o que é a verdadeira amizade.

O título  veio de um momento antes da chamada da cortina onde eu ela trançou o cabelo de sua amiga, e foi a primeira vez que eu fiz isso para outra garota e foi tão engraçado olhar para trás porque ela estava me levando passo a passo e foi apenas este momento muito saudável.

"Podemos aprender muito sobre como tratar bem as pessoas por meio da experiência de amizade e, antes de 2018, fiz amizade com algumas pessoas que não me incentivaram a ser eu mesmo ou a crescer. Não houve construção mútua e algumas dessas pessoas acabaram sendo muito tóxicas", conta ela sobre a música, em release oficial.



INDIE/ALTERNATIVO
06 - GINA ROYALE
Diretamente dos Estados Unidos, Gina apresenta uma mescla entre eles do pop comercial/contemporâneo e uma instrumentação folk para a faixa 'Down From Your High', seu quarto single divulgado em 2021, onde abordar falar sobre o crescimento de uma mulher ganhando força após uma separação histórica, em um vocal cheio de emoção e belíssimas entonações melódicas. 

Conheça mais da artista, diretamente do seu Spotify, abaixo:



07 - ROOS MEIJER
Nossa holandesa da lista, Roos é uma artista de Den Haag/The Hague/Haia, uma das capitais do país e a responsável por lançar hoje a faixa 'I Dream Of A World' nas principais plataformas de streaming.

Neste trabalho, ela apresenta um som que encaixa na sonoridade indie/alternativa por conta de diversos elementos presentes no background instrumental, mas que também poderia caber no folk, principalmente se analisarmos somente o estilo vocal da Roos.

Seu álbum de estreia foi inspirado em conversas que a artista teve com agentes de mudança e a faixa em questão foi depois de conversar com Zaïre Krieger; artista de palavra falada, graduada em direito, ativista pelo anti-racismo, feminismo e interseccionalidade, e a recém-anunciada tradutora do discurso e livro de Amanda Gorman na Holanda. Falamos sobre ativismo, fé, interseccionalidade e perseverança.

Mesclando entre indie pop, música alternativa, folk, elementos globais da música e do dream pop, ela apresenta um tema sonhador, onde liricamente fala sobre "Eu sonho com um mundo..."

Ouça abaixo:



08 - LOOSE T.
É uma artista responsável por também ter seu próprio selo, a Pear O’Legs Records, que apois música contemporânea e tradicional em todo o Reino Unido. Um dos seus trabalhos mais recente foi lançado a aproximadamente um mês nas plataformas de streaming, sob o título de 'No Label'. 

Sem rótulos, esse é o recado que a artista busca passar em sua música satiricamente embalada em um revestimento instrumental pop ala High School Musical, mas que conta com algumas verdades difíceis de serem engolidas pelos "rotuladores" de plantão.

Confira o som voltado para indiepop e um público sem preconceitos, abaixo:



09 - JUSTPEOPLEWATCHING
É um duo canadense, diretamente Edmonton (Alberta) e que em 18 de Junho apresentaram nas plataformas de streaming um dos seus trabalhos mais recentes, intitulado 'Superman'.

Com uma sonoridade mais alternativa, como o soft rock, emo, indie rock e elementos noventistas, a faixa tem como principal missão a conscientização sobre a saúde mental de maneiras criativas e relacionáveis, além de ser destaque de um projeto futuro que lida com a jornada pessoal de Marc com a depressão e ansiedade.

Ouça mais sobre a banda abaixo:




10 - SAM AND SOUNDS
Com raízes britânicas, ele aparece dentro do site pela primeira vez, com a faixa 'Does It Matter', lançada há quase dois meses nas plataformas de streaming, num teor lírico onde busca trazer a seguinte mensagem: "Um grito para vivê-lo e viver despreocupadamente, enquanto nós estamos jovem e com vida pela frente. "Importa se cantarmos ou gritarmos, Baby enquanto somos jovens, esqueça!".

"Tivemos um ano em que ficamos presos em casa e com poucas oportunidades de vivê-lo", diz Sam, "Muitos jovens tiveram sua juventude restringida por restrições nos últimos 18 meses, e conforme nos aproximamos do verão - sinto precisamos sair e lembrar de aproveitar a vida ".

Para este trabalho, eles apresentam uma sonoridade essencialmente indie rock, mas somente esse, como outros singles e músicas lançadas pela banda, podem ser ouvidas diretamente do Spotify da banda, abaixo:




11 - BECCA JAMES
De Newcastle, a cantora e compositora Becca James lançou, há um pouco mais de um mês, o single 'The Antidote to Perfectionism'.

Essa faixa faz parte de um projeto multi-arte que coincide com o lançamento de sua música 'Perfect Girl', que pode ser ouvida nas plataformas de streaming da artista e foi escrita como uma rejeição às pressões e expectativas que ela enfrentou ao acessar a indústria musical como uma mulher da classe trabalhadora, bem como minhas interações nos relacionamentos e na sociedade. "A música é um trampolim para o vídeo do projeto que explora visualmente uma conversa mais ampla sobre como o perfeccionismo afeta a todos nós", comenta a artista em release oficial.

Por meio de uma série de entrevistas ampliadas, pesquisas e interação na mídia social, eles conseguiram reunir uma variedade de respostas sobre como o perfeccionismo impacta as identidades individuais e a influência que tem em vários aspectos de nossas vidas.

O resultado é um projeto que mescla entre o pop contemporâneo, Neo-Soul e a palavra falada, com um vídeo que apresenta uma tipografia desenvolvida pelo videomaker Gareth Williams e que pode ser assistida abaixo.




ELETROPOP
12 - DANIELE ALAN-CARTER
É um artista britânico que há quase um mês lançou um dos seus trabalhos mais recentes, intitulado ''Promise You Will Love Me', além de uma versão remix.

Para este trabalho, ele apresenta uma sonoridade com a atmosfera do verão, trazendo ritmos e elementos instrumentais agradáveis e que certamente irão vibrar os headphones e caixas de som dos ouvintes, numa mescla de synthpop, EDM, House, Dance e o clássico funk e de maneira que seu estilo lírico segue algumas de suas baladas mais lentas anteriores, mas também mostrando sua versatilidade para um estilo mais dançante e enérgico.  

Em release oficial, ele revelou: "Nosso principal objetivo era criar uma música que fizesse as pessoas se sentirem bem neste verão, considerando que a maioria de nós foi roubada de uma música no ano passado; é uma felicidade melancólica, então não esquecemos o que passamos no último ano e meio, mas também prontos para seguir em frente.

O que falamos nesta música não é uma história de amor romântica convencional; Sempre gosto de falar sobre o amor em todas as suas formas. Não é só prerrogativa do amor romântico nos salvar e para nos completar; mas também pode ser o amor de um irmão, de uma irmã, de um amigo, de um pai ou de um animal de estimação. Queria que todos os ouvintes pudessem se ver como protagonistas dessa música e encontrar seu próprio parceiro de dança, mesmo que sejam solteiros.

Eu e o produtor Tokøta queríamos adicionar um pouco da sensação dos "bons velhos tempos", então trabalhamos usando sons eletrônicos dos anos 80/90, onde os pads de sintetizador conduzem você pela música junto com uma estrutura rítmica e sons mais relacionados ao EDM e mundo da dança tropical. Meu desejo para essa música é que as pessoas a toquem no máximo neste verão e vai vibe com suas pessoas favoritas."

Ouça a versão disponível no Spotify abaixo:




13 - KAYLIN CERVINI
É uma artista norte-americana que começou a escrever música depois de uma perda muito grande na minha vida e desde então busca ajudar as pessoas a superar suas dores através da música, assim como em 'Bubble', faixa revelada nas plataformas de streaming hoje.

Neste single, ela apresenta uma sonoridade que flerta por diversas vertentes dançantes, como o EDM, future bass, eletropop e um dança altamente comercial, que certamente dominará em breve diversas rádios e festivais do gênero. 

Sobre a história da música, ela comenta: "Lembro-me de estar sentado em seu carro enquanto um cara super legal correu para a loja. Eu estava tão feliz, mas, ao olhar para ele, sabia que esse sentimento não duraria. Ele não iria durar. Por mais incrível que eu me sentisse neste momento, eu sabia o que era para ele. Eu sentei lá na minha pequena bolha feliz enquanto ele puxava a maçaneta da porta aberta. Eu sorri enquanto partíamos, sabendo que minha bolha feliz iria estourar. Fui para casa no dia seguinte, com o friozinho na barriga, sentei no teclado e cantei "happy in my bubble 'to it ..."



14 - AMADEUS MOZZA
Diretamente da França, ele lançou há quase dois meses a faixa 'Someone Autre' nas plataformas de streaming. Este trabalho traz uma sonoridade voltada para estilos como o eletrônico e o Dance, em uma letra onde o artista focar em como é difícil aceitar a si mesmo e querer ser outra pessoa.

Em um geral, suas letras picantes bidirecionais são apoiadas por instrumentos pop-electro incisivos (Your Best Follower), feitos sob medida para pistas de dança (Someone Autre, Emergency Mode) ou com acentos trap (Desire Empire). Uma amostra do seu trabalho pode ser ouvida abaixo:




15 - SAMCHE
O artista suíço traz vocais edificantes e melodias transcendentes para a faixa 'All That We Got', lançada há um pouco mais de um mês nas plataformas de streaming e que apresenta uma sonoridade voltada para o Dance/EDM e o eletropop comercial, repleta de elementos dançantes e um vocal envolventes muito bem encaixado com as estruturas instrumentais de uma faixa que certamente embalará as pistas assim que pudermos ter pistas de danças abertas novamente para o público.

A faixa também é uma bela resposta a Stay Far Away, inspirada por quarentenas de pandemia e descrita como "harmoniosamente equilibrada e sonhadora com propósito ... uma inspiradora paisagem de sonhos que duvidamos que você queira deixar."




16 - DOMINOE
Seguindo uma sonoridade eletrônica, temos 'Seek and Find', 5º single lançado pela artista com sede nova-iorquina em 2021.

Em um projeto onde busca explorar diferentes gêneros musicais, ele fala sobre o sentimento de necessidade de exploração constante que é evidente na música do dominó e em uma faceta da vida humana, numa música elementos instrumentais principais do eletrônico, EDM e Dance, unidas a um estilo vocal que caberia até mesmo dentro do Soul e Jazz. 




17 - LOONEY GLOOMERS
Última de nossa sequência voltada para o eletro/dance, temos 'Shark Feet', faixa disponibilizada nas plataformas de streaming em 18 de Junho, pelo grupo formado em Copenhagen, Dinamarca.

Esta música é o trabalho deles, ao menos é o único presente até o momento dentro do Spotify e liricamente apresentam uma história sobre suas narrativas encontrando-se com uma  grande
instituição. A moral da história é afirmar a ansiedade moral contra o engano político e desafiar a propaganda com prosa, sendo fortemente influenciados por um estilo musical totalmente diferente do deles, mas atemporal e único: Pink Floyd The Wall.

A faixa fala sobre pessoas que tomam muito sem retribuir e o problema que esse comportamento traz. Voltada para fãs de estilos como o eletro/synthpop, dance, disco e elementos pop dos anos 80.



R&B/HIP-HOP
18 - DOM THE COMPOSER
Diretamente de Boston, Dom divulgou hoje a faixa 'Butterflies' em todas as principais plataformas de streaming.

Neste trabalho, ele apresenta uma das poucas faixas R&B em nossa lista de hoje, além de também trazer elementos que flertam principalmente com o Soul, em uma instrumental repleto de grooves, uma linha de baixo vibrante e belíssimas melodias.

Ouça aqui:




19 - RAINE CHRISTIAN
Mantendo a sequência de trabalhos lançados hoje, temos Raine Christian, estadunidense que divulgou a faixa 'Sky' em todas as plataformas de streaming.

Para este single, ele apresenta belos vocais e letras cativantes unidos a um estilo que combina vertentes como o pop comercial, R&B e autotune a beats típicos do Hip-Hop, num trabalho muitas vezes comparados a nomes como 24KGoldn, Post Malone, Kid Laroi, Justin Bieber e Juice Wrld, conseguindo mesclar diversos estilos sonoros que somados se tornam um só

Ele compôs este trabalho em Março, depois que a irmã de Raine ligou para ele e explicou sua luta para crescer e viver sozinha. Raine então escreveu essa música para ela.

Ouça abaixo:




20 - RONNIE LOTT
Encerra nossa trinca de hip-hop/R&B lançados hoje com a faixa 'Best Friend' divulgada nas principais plataformas de streaming.

Este lançamento acontece um ano depois dele se mudar para NYC e conseguir capturar como pulsa a cena de hip-hop na cidade, sendo o primeiro trabalho dele lançado em 2021, antes de um possível álbum a ser lançado em breve.

Em seu trabalho, ele traz um conhecimento do mainstream para sua mistura de rap, hip-hop e R&B, com influencias que vão de Drake, the Weeknd a Big Sean. 

Confira a faixa abaixo:




Postar um comentário

0 Comentários