Gods & Punks lança duas inéditas e anuncia quarto álbum

O quinteto carioca Gods & Punks já pode ser considerado precursor do stoner progressivo no Brasil. A banda já lançou três álbuns, além de diversos EPs e consolidou o nome além das fronteiras nacionais. Prestes a lançar o quarto disco - soltam duas inéditas Dimensionaut e Eye in the Sky - que destacam a evolução do grupo.

A rápida e intensa
 Dimensionaut está nas plataformas de streaming via Abraxas Records. Ouça aqui: https://ps.onerpm.com/1001249239.

 Eye in the Sky, uma versão finalizada e reimaginada da primeira faixa do nosso EP de estreia (The Sounds of the Earth, de 2016), está exclusivamente no Bandcamp da Gods & Punks. Ouça aqui: https://godsandpunks.bandcamp.com/album/eye-in-the-sky-single

ARTES POR BRUNO KROS


Dimensionaut foi a última música composta ainda com o Arthur, em 2020. A letra é um resumo da história que a banda conta desde o EP de estreia, a jornada da Dimensionauta.

Eye in the Sky é uma releitura em que a Gods & Punks trocou a vibe retrô Black Sabbath da era Dio pelo especial-psicodélico de bandas como Hawkwind e Monster Magnet.

"Desaceleramos o refrão e adicionamos um órgão de tubos para deixa-lo muito mais pesado", afirma a banda. A parte inicial e final da música fazem ligação direta com a faixa
 Dying Planet, última faixa do terceiro álbum, And the Celestial Ascension.



The Sounds of the Universe
A Gods & Punks decidiu lançar dois singles no mesmo dia para melhor representar o que será The Sounds of the Universe, o último lançamento da Voyage Series, que começou em 2017 com Into the Dunes of Doom e contou com Enter the Ceremony of Damnation, de 2018, e And the Celestial Ascension, de 2020.

"Estamos há 4 anos contando uma história que finalmente será finalizada, de uma forma representativa à narrativa", analisa o vocalista Ale Canhetti.

Segundo a banda, neste contexto, Dimensionaut representa a evolução do quinteto, enquanto Eye in the Sky mostra como uma canção antiga seria executada com a mentalidade e experiência de hoje.

The Sounds of the Universe terá nove músicas: cinco faixas do nosso EP de estreia em versões novas, repaginadas, e mais quatro faixas completamente inéditas, compostas entre 2019 e 2020.

O álbum é o último lançamento da Voyage Series, mas o primeiro capítulo da história. E quem tirar um tempo para ouvir as músicas na ordem correta da história, irá entender o porquê desta dinâmica. Estas duas faixas lançadas é o início desta viagem!

Postar um comentário

0 Comentários