A-Ha comemora 35 anos de "Hunting High and Low" e mostra que ainda podem vir mais 35

Fotos: Move Concerts

A turnê da banda norueguesa A-ha, finalmente chega ao Brasil, após um adiamento anunciado em fevereiro, do mês de março para julho. Os shows já tinham ingressos esgotados em Recife e São Paulo e a turnê de comemoração de “Hunting High And Low” já era considerada um sucesso aqui no Brasil com direito a datas extras em solo paulistano.

A Abertura dos Portões se deu às 19h do 18 de Julho de 2022 no  Espaço Unimed - antigo Espaço das Américas -,  e já se via imensidão de espectadores ansiosos para ver Morten Harket, o tecladista Magne Furuholmen e o guitarrista Pål Waaktaar-Savoy que tinham ,em 2010, decidido dar um ponto final na banda,e em 2015 voltar e nos agraciar com um novo e mais recente até então trabalho de uma das banda de synthpop mais relevantes e populares dos anos 80,o álbum "Cast In Steel".


O trio norueguês sobe aos palcos por volta 21h35, ao som de "Sycamore Leaves" do álbum "East of the Sun, West of the Moon" uma das músicas mais "sexy" ,se assim posso descrever , da banda e junto do trio o público vai a loucura, excelente maneira de abrir uma noite tão memorável quanto essa.

 "The Swing of Things" do album "Scoundrel Days" foi a segunda canção da noite seguida de "Crying in the Rain" um Cover de Carole King ,mas que foi eternizado pelo trio no já citado álbum "East of the Sun, West of the Moon", o público cantava cada frase com o vocalista Morten como um coro e foi assim durante a apresentação por inteiro. A quarta canção "Forest of Trees" do novo álbum previsto para setembro intitulado "True North" , já era balbuciada por todos fãs, e ela só mostra o quanto a banda ainda consegue compor faixas com qualidade e muita emoção intrínseca. "Train of Thought" foi a quinta faixa abrindo as composiçōes de "Hunting High And Low" seguida de "The Blue Sky", "Living a Boy's Adventure Tale", o sucesso "The Sun Always Shines on T.V.",  "And You Tell Me", "Love Is Reason", "I Dream Myself Alive", "Here I Stand and Face the Rain".


Ao fim de "Here I Stand and Face the Rain" somos transportados para o álbum "Stand on These Roads com a faixa "The Blood That Moves the Body" seguida de  "We're Looking for the Whales" do album "Scoundrel Days". Em meio a muitos agradecimentos de  Magne Furuholmen para o público paulistano, e seu português macarrônico, mas muito divertido, era perceptível a alegria da banda nos palcos e a calma e o controle de todos os músicos presentes.

Chegando na reta final, a décima sexta faixa executada foi  "Cry Wolf" também do álbum "Scoundrel Days" colocando o público mais uma vez a loucura e cantando e dançando junto com Mortem, que até o momento parecia economizar movimentos, mas que empolgava o público mesmo assim a cada segundo. "I've Been Losing You" fecha a execução das faixas de "Scoundrel Day" e "The Living Daylights" encerra a execução do álbum "Stay on These Roads".


Enfim chegamos ao final da noite, e após a despedida da banda e o apagar das luzes, somos surpreendidos com o retorno do grupo aos palcos para a execução da última canção, que pelo andar da carruagem todos aqui já sabemos qual será.. Afinal faltou um último hit, não? Talvez a faixa que catapultou a banda de Synthpop norueguesa para o mercado mundial, e a transformou no que ela é hoje para nós fãs: "Take on Me" faixa essa que Abre o disco de estreia da banda, "Hunting High And Low" e já foi um "fracasso" para mesma , originalmente  chegando à posição de número 137 nas paradas da música Inglesa, passou por reformulações e mixagens até finalmente ficar como conhecemos e atingindo o topo mundial. No momento em que entram os teclados, o público vai a delírio e foi possível notar fãs chorando copiosamente, um público ligeiramente mais maduro , que com certeza dificilmente teriam menos de 30 anos, chega ser algo muito emocionante de observar o fanatismo e amor que os fãs demonstraram nesta noite. 

É nítido o cuidado, profissionalismo e toda preocupação com o sincronismo visual e sonoro, sinergia total da banda e da equipe técnica para com público e imersão. Um show de altíssimo nível e altamente recomendado para todas as idades, a sensação que fica é de saudade e nostalgia.

Confira o set list e aproveite para criar a playlist do show pra curtir lendo essa resenha:1.Sycamore Leaves2.The Swing of Things3.Crying in the Rain (Carole King cover)4.Forest for the Trees5.Train of Thought6.Hunting High and Low7.The Blue Sky8.Living a Boy's Adventure Tale9.The Sun Always Shines on T.V.10.And You Tell Me11.Love Is Reason12.I Dream Myself Alive13.Here I Stand and Face the Rain14.The Blood That Moves the Body15.We're Looking for the Whales16.Cry Wolf17.I've Been Losing You18.The Living DaylightsEncore:19.Take On Me

Postar um comentário

0 Comentários
* Please Don't Spam Here. All the Comments are Reviewed by Admin.

CUPOM GAROTOSDL - EDITORA BELAS LETRAS




50 REAIS DE DESCONTO COM O CUPOM GAROTOSDL
mockup-joan-jett-1-verde
mockup-joan-jett-1-verde