MUSO SOUP SINGLES #42.1: Andy Lowe, Le!ghton, Satre, Mayanai e mais artistas passando por vertentes do Rock/Indie, vertentes do Pop, Hip-Hop e R&B



ROCK
01 - WILL BURTON
Artista londrino, ele apresenta um som voltado para o rock alternativo, mas que também passa pelo indie e foi revelado nas plataformas de streaming no primeiro dia do mês.

'Cold' é considerada por ele como sua faixa pessoal, trazendo diversas emoções por conta da coisas que estavam passando em sua vida, mque foram convertidas em uma belíssima faixa com vocais libertadores e elementos que certamente fazem a música ser um dos seus hinos, assim que puder fazer shows ao vivo. 

Essa faixa e outros singles de sua carreira podem ser ouvidos abaixo:




INDIE ROCK
02 - LOVE, LIES & FICTION
Depois de aparecem aqui com uma matéria exclusiva e entrevista, estão de volta com 'The Sun Lights Up The Moon', faixa que passa tanto pelo indie clássico da banda, como elementos vocais que se encaixariam no country e sintetizadoresp resentes na faixa com lirismo perfeito, sobre não somente nós brilharmos, como também as pessoas ao nosso redor. 

"Da mesma forma que a lua não cria sua própria luz, ela apenas parece brilhar ao refletir a luz do sol, as pessoas brilham mais quando são amadas. Essa música começa, aparentemente mais lenta como uma balada, mas depois se desenvolve no refrão", comenta eles mesmos em release oficial e, após estarem com a letra por anos e ela ter sido revisitada, o resultado foi um trabalho comovente, que certamente será identificado com diversos ouvintes e trazem uma sonoridade gostosa de se ouvir. 

Aprecie ela mais detalhadamente abaixo:



POP
03 - COURTNEY COLE
Trafega entre diversas vertentes do pop, como o comercial, contemporâneo e trazendo tanto elementos sintéticos, como do eletrônico para a música 'Light', lançada há menos de uma semana nas principais plataformas de streaming.

Unida a toda essa instrumentação, temos temas importantes como a natureza e um estilo de gravação diferente, trazendo os 528Hz, frequência de cura presente em toda a natureza e que certamente nos fará se sentirem melhor ou esquecer momentaneamente de problemas que esteja passando, conseguindo passar uma ótima energia para todos os ouvintes. 

A faixa foi produzida por Cameron Stymeist que escreveu e produziu muitos artistas e teve muito sucesso em colocações de TV / filmes com a Lyric House Publishing em LA, e foi mixado e masterizado por Dave Clauss (Maren Morris, Pink, Carly Pearce). 

Este e outros trabalhos da artista podem ser ouvidos abaixo:




04 - ANDY LOWE
É um artista britânico que se se juntou a Abi Foster para trazer uma faixa repleta de elementos instrumentais e vocais do synthpop oitentista, nos fazendo se sentir de fato na época, com a faixa 'Hear Me', divulgada nas plataformas de streaming há um pouco menos de um mês.

Essa fusão foi essencial não somente para ambientação da música, como também por conseguir entregar uma melodia muito agradável e que se funde a um lirismo de tema importante: A falta de comunição e que certamente será identificada com diversas pessoas que em algum momento importante de suas vidas, simplesmente não foram ouvidas. 

Como dito em release oficial: "Hear Me aborda temas de conflito e falha de comunicação, mas com uma energia contagiante e otimista que cheira a CHVRCHES. A música marca um ponto de partida para ambos os artistas em termos de estilo. O talento de escrita de Foster já foi ouvido em lançamentos acústicos, enquanto os trabalhos recentes de Lowe incluem uma série de EPs instrumentais eletrônicos".

Junto com a faixa, ainda temos um videoclipe que pode ser assistido abaixo:




05 - JETHRO TAIT
Fazia tempo que artistas da África do Sul não aparecia em nossas listas, mas eles estão de volta com Jethro Tait, cantor e compositor da Cidade do Cabo e que no início do mês revelou nas plataformas de streaming sua primeira parceria com a Ditto+.

'Will You Stay' traz uma sonoridade essencialmente pop, com elementos vocais e instrumentais de uma linhagem mais comercial, ao longo de um pouco mais de 3min. Unido a isso, temos um lirismo sobre tentar encontrar a coragem de pedir apoio quando você precisar, algo difícil de falar, mesmo que esteja conseguindo por meio da música. 

O resultado dessa conversa e desabafo pode ser ouvido abaixo:




06 - LE!GHTON
Diretamente de Londres, ela passa pelo synth/contemporâneo/comercial pop, além de vertentes do eletônico, riffs matadores e um vocal envolvente que se funde perfeitamente a uma mensagem sobre o reconhecimento da autoestima.

Em ‘Not Today’, faixa lançada no início do mês, ela se inspira em nomes como Louis Cole e Rag’N’Bone Man e Adele, para expressar temas pessoais, mas relacionáveis, por meio da música. 

A faixa pode ser ouvida abaixo:




07 - SATRE
Finalizando as novidades voltadas para o pop, Satre está de volta ao site, agora com o single 'Best Friend', revelado nas plataformas de streaming final de Setembro e que agora aparece em nossa lista.

Nesta faixa, ele passa por vertentes pop que vão do eletrônico ao dream, além de também navegar pelo dance e eletrônico, numa fusão de gêneros que se resultam em uma sonoridade única. 
A primeira música do Satre foi lançada em 08/12/2019 e foi o começo, em breve novas propostas chegarão e estarão disponíveis em todas as plataformas digitais.

Este e outros trabalhos podem ser ouvidos abaixo:



HIP-HOP/RAP
08 - MEANO BROWN
É um artista norte-americano de Hip-Hop e que massa não somente por esteorótipos do gênero, como também elementos do pop, graves do eletrônico e uma linha vocal também presente no rap dentro de 'Toxic/Critical Mass', divulgada nas plataformas de streaming no último dia 11 e que hoje aparecem ek nosso site.

Dentro disso de não se limitar a uma vertente só, ela busca romper as barreiras e desafiar a mente de seus ouvintes com conceitos auto-capacitadores e verdades brutais por trás da música.

A faixa e o videoclipe podem ser conferidos abaixo:



R&B/FUNK
09 - MAIYANAI
Produtor e músico de Israel, ele funde a vertente principal do R&B a elementos do Hip-Hop, dance e funk em 'Fine', faixa repleta de grooves e divulgada nas plataformas de streaming no último dia 5.

Liricamente, fala sobre como as pessoas falam que estão se sentindo bem, mas também como isso é da boca pra fora e muitas vezes elas estão mal e lutando com a própria auto-estima, principalmente no momento atual que o mundo vive.

Junto a esse tema, temos uma sonoridade e linhas vocais feitas para cantarmos longamente, mexer nossos corpos, dançarmos e fugirmos de vibrações, enquanto conhecemos novos trabalhos musicais. Um deles pode ser ouvido abaixo:




10 - LUKE COLLINS
Traz toques de R&B para o groove do funk e linhas vocais do pop na faixa 'Tell You', divulgada há quase um mês nas plataformas de streaming e que hoje ganha espaço no site. 

Com belos sintetizadores e guitarras envolventes, ela nos cativa tanto pelas melodias vocais, quanto por instrumentais que deixam nossas mentes relaxadas e esquecendo de um dia cansativo de trabalho, mas também prontos para extravasar e dançar pelas pistas. 

"Este single surgiu ao longo dos anos, enquanto Collins trabalhava em finanças corporativas em San Francisco. O florescente artista interrompeu as sessões de composição de amigos para refinar suas composições durante viagens a LA e continuou a editar após apresentações ao vivo em bares de mergulho de São Francisco. Como resultado, esse arranjo cativante e atencioso realmente brilha em um ambiente ao vivo", conta em release oficial.

Tendo passado uma década viajando pelo mundo tocando em orquestras juvenis, Luke estudou viola na faculdade com a esperança de tocar profissionalmente. Insatisfeito com o cenário da música clássica e buscando estabilidade, Luke passou seus anos de pós-faculdade trabalhando como analista de investimentos em San Francisco; trabalhando em longas horas e perseguindo a emoção em um velho jeep wrangler. Feliz, mas não completamente realizado, Luke voltou sua atenção para a música em 2019; ele começou a se aventurar em Los Angeles nos fins de semana para bater em sessões de estúdio com amigos que estavam trabalhando como compositores e músicos de sessão. Persuadindo qualquer pessoa que pudesse a trabalhar com ele nos dias de folga, ele finalmente começou a cortar suas próprias canções. Apesar de viver uma vida de escritório relativamente tranquila, a alegria que Luke sentiu ao fazer música resultou em uma série de canções otimistas e alegres. Agora baseado em Los Angeles, Luke trabalha em tempo integral na música - produzindo, compondo e compondo arranjos de cordas para outros artistas entre seus próprios projetos - e ainda pode ser encontrado dirigindo o mesmo velho jipe ​​pela cidade.

Ouça:


Postar um comentário

0 Comentários
* Please Don't Spam Here. All the Comments are Reviewed by Admin.

CUPOM GAROTOSDL - EDITORA BELAS LETRAS

CUPOM GAROTOSDL - EM TODO O SITE DA EDITORA BELAS LETRAS - SAIBA MAIS
mockup-joan-jett-1-verde