Caio Weber mostra versatilidade instrumental e foge de sonoridade apresentada pela Cefa em seu álbum de estreia; Ouça aqui e confira os videoclipes lançados!!


Hoje (10), Caio Weber lança "Monollogo" seu primeiro álbum solo e foge da sonoridade apresentada pela Cefa durante principalmente "Caos", apresentado ano passado nas plataformas digitais. Feito de maneira DIY, o álbum foi gravado, produzido e mixado por Caio, durante a pandemia.

Podendo também atingir públicos diferentes dos que já conhecem a banda, ou gente que passa a admirar mais ainda seu trabalho, por conta da versatilidade de estilos presentes dentro dele, ele mostra para o público ouvinte uma sonoridade que passa principalmente pelo folk e indie pop, mas sem perder a identidade conhecida do seu estilo de composição, independente de por qual projeto seja. 

Este álbum é definido pelo artista como um autorretrato, onde passa por histórias de relacionamentos, inseguranças, medos e ansiedades, ao longo de 10 músicas que passam desde momentos dançantes, como em ‘O Que Não Se Pode Explicar’ e ‘Na Saudade Não Há Paz’, a calmaria de ‘Sereno’ e ‘Primavera’, até a melancolia em músicas como ‘Em Silêncio’ e ‘Mais Um Dia’. 

Além de todos os temas abordados liricamente, Caio também mostra uma versatilidade instrumental ao executar cada um deles em faixas como 'O Que Não Se Pode Explicar' (que ganhou inclusive um videoclipe onde mostra ele tocando guitarra, violão, baixo e bateria), responsável por abrir o álbum. A exceção do multi-instrumento executado por Caio fica por 'Na Saudade Não Há Paz' (baixo por Giovani, Cefa) e 'Primavera' (guitarra por Gabe, Cefa).

Dentre essas faixas, temos algumas participações mais do que especiais: Uma delas é Yago Jacques, parceiro de longa data (tanto do músico quanto da banda) e que está presente em 'Tempestade' que nos traz uma belíssima linha dedilhada de violão, além da perfeita sintonia presente no jogo de vozes. Já a outra participação é do duo indie folk O Rubro, que traz não somente uma combinação de vozes para dentro de 'Depois da Chuva', como também traz um acréscimo de estilos, mesclando entre o folk, indie pop e alguns elementos do dream pop que passamos a conhecer mais por sons da plataforma Muso Soup.  


Sobre o título
Em 2013 Caio lançou um EP de sete músicas, sob pseudônimo de 'monollogo’, trazendo trabalhos acústicos, de tom melancólico e que sucedeu com alguns singles passando por um leque mais amplo de sonoridades, até que agora, resolveu adotar seu nome para sua carreira solo, mas sem esquecer suas raízes musicais, escolhendo para 'Monollogo' ser o nome do álbum de estreia deste projeto pessoal e que apresenta ao ouvinte diversos momentos dele, mas que certamente serão identificados no coração e emocional de diversos ouvintes, ao abordar temas como as várias fases de um relacionamento, desde a descoberta até as primeiras crises e reconciliações.


Confira alguns dos videoclipes e lyric video abaixo:


















E ouça o álbum completo no Spotify:


Postar um comentário

0 Comentários