MUSO SOUP APRESENTA #3: Half Watt Aströnaut, Jolene, Headfury, Ryan Love, Clashing Colors, Fleurr, Matt McChlery e Black Bear Kiss com novidades mesclando entre rock, folk e eletrônico

 
01 - HALF WATT ASTRÖNAUT
"'Blue Collar' é uma ode a todos que nunca pararam de trabalhar durante a pandemia. É a nossa forma de valorizar o subvalorizado. Half Watt Aströnaut é altamente não convencional, tocando como uma banda de duas partes, mas ainda consegue manter a plenitude sonora de uma banda maior. Tocamos música crua e realista sobre o que enfrentamos diariamente". A banda o define assim em release oficial

Half Watt é conhecido por seus shows ao vivo selvagens e de alta energia, que costumam encontrar membros da banda correndo pela multidão em trajes de astronauta e o guitarrista Nic Blankenship usando sua cabeça e guitarra para tocar as partes dos pratos.




02 - JOLENE
Jolene Grunberg e Sem Van de Crommet apresentam a vocês a dupla pop alternativa Jolene. Durante seus estudos de música pop no conservatório de Amsterdã, os dois se conheceram e começaram a formar um legado musical. Jolene combinou sua experiência em canto e guitarra com o talento de Sem no teclado e o resto é história; seu ato Jolene nasceu.

Jolene permeou a indústria após o lançamento de seu primeiro EP End of Story. Sua música foi transmitida em várias estações de rádio e ela também teve o prazer de ser selecionada para o Festival Popronde. O gênero de Jolene é magicamente diverso, seria quase impossível expressar tudo em uma música. Embora eles tenham conseguido chegar perto com End Of Story.

A dupla passou a maior parte deste ano no estúdio aproveitando seu sucesso anterior e implementando um novo som inovador. Sua nova música DENIED é mística e inesquecível. Descrito como “dark electro pop”, DENIED investiga o lado sombrio do amor e da vida e cativa qualquer um que o ouve. 




03 - HEADFURY
"A New World" é o álbum de estreia da banda com raízes em Joannesbusrgo. Seu som é uma mistura de riffs contagiantes, bateria vigorosa e paisagens sonoras melódicas emocionais que vão fazer sua mente pensar e pular.

"A New World" é o resultado de meses inspirados na composição, colaboração e gravação de canções. O álbum de 6 faixas oferece uma mistura atraente entre rock e metal mais pesado e contundente, e baladas e refrões mais melódicos e emotivos.




04 - RYAN LOVE
"Dance Till the End" é uma música sobre aquela primeira vez em uma discoteca após as restrições do COVID-19. Todos nós temos nos mantido seguros com o distanciamento e o contato limitado.

A música pinta um quadro daquele dia inevitável em que todos podemos desfrutar da companhia uns dos outros em um espaço confortavelmente lotado e nos divertir um pouco. Também retrata a expectativa de ver o seu amor entrar naquele espaço naquele momento e ter a oportunidade de finalmente ser físico ... dançar até o fim!

Infelizmente, pelo menos para os brasileiros, esse é um cenário distante




05 - CLASHING COLORS
A ideia inicial veio à mente durante um hangout casual no estúdio de Temelko. Um copo de cerveja e uma sessão de brainstorming provocada pela proposta de música de Lili deram à luz a banda quase que instantaneamente, pois ambos afirmam que viram um enorme potencial e perspectiva na combinação de seus talentos.

Um dos seus maiores sucessos até agora é o single Goosebumps, que entrou nas paradas de gênero musical da Apple em alguns países.

Outra música do mesmo gênero é 'Temptation'. A música é sobre ser dominado por um sentimento de doce incerteza, um sentimento de luxúria que se alimenta de sua alma e possui sua mente.

Você sente que está se tornando sua única necessidade básica, ser segurado e devorado pelas mesmas mãos de quem escravizou você. A ideia do que poderia ser se ainda fosse um relacionamento contínuo.




06 - FLEURR
Em 'You Don't Know', os vocais suaves complementam a melodia e uma linha de baixo vibrante. Ouça a música abaixo:




07 - MATT MCCHLERY
‘Have You Heard?’ É a última canção de adoração de Natal a ser escrita pelo cantor / compositor e líder de adoração Matt McChlery de Wisbech (Reino Unido). Isso vem na sequência dos quatro singles que Matt lançou através de Homegrown Worship em 2019. Gravada remotamente durante o auge de Lockdown, esta música assume um estilo de contar histórias, convidando seus ouvintes a entrar em uma jornada de descoberta.

Pela primeira vez, esta gravação vê Matt McChlery se juntando a outro vocalista, Kat Mills, cujas músicas (‘Not Made Wrong’, ‘Church Arise’) foram tocadas em várias estações de rádio no Reino Unido e além. Seus vocais adicionam uma sensação de brilho à faixa e suas harmonias são simplesmente de tirar o fôlego.

Muito do trabalho árduo nesta faixa foi feito pelo talentoso Matt Osgood do WorshipSon… rdings.com que habilmente criou uma mistura magistral de instrumentação para criar uma paisagem sonora de Natal verdadeiramente bela, na qual as letras se encaixam perfeitamente.
Esta canção muito cantável ficará reverberando em seu coração durante o Natal e depois.




08 - BLACK BEAR KISS
Faixa mais suave e descontraída do que os lançamentos anteriores, ‘When I Break’ é uma faixa nova, recém-saída do coração de lockdown. Uma música auto-reflexiva que olha para as esperanças e sonhos em constante mudança de todos, especialmente enquanto as pessoas navegam pela vida durante esses tempos difíceis

Desde crescer, viver a vida de estudante e solteiro, até se casar e ter filhos, ‘When I Break’ fala sobre a pressão que vem com cada passo.

Com vibrações relaxadas e um toque de melancolia, ‘When I Break’ é a continuação do trabalho da banda com Gavin Monaghan no Magic Garden Studios, que já trabalhou com artistas como Robert Plant, Editors, The Twang e The Sherlocks.