GROOVER APRESENTA: 15 Melhores de 2020

No último trimestre, entramos como Influenciadores da plataforma francesa Groover, apresentado para vocês artistas de diversos estilos, espalhados pelo mundo todo. Coincidentemente, tivemos 15 matérias de compilados apresentados pela plataforma e, com isso, trouxemos para vocês o melhor de cada um desses compilados, numa seleção de estilos variados, agradando a cada tipo de leitor possível. 


01 - BABY FUZZ: BEFORE OUR TIME
O gênio do indie rock, Baby Fuzz, oferece nostalgia envolta em uma jam glam, pop e rock. 'Before Our Time' é um verdadeiro showstopper com um solo de guitarra que lembra QUEEN e um ótimo refrão de uma música muito bem animada.

'Before Our Time' traz analogias inteligentes trabalhadas na letra, "Jesus Cristo com um PS4", e alguns conselhos sábios "Se você não dá a mínima, então não envelhece". Certamente é uma música que resistirá Tempo. É uma música afirmação otimista que revisita o relacionamento como um pensamento muito avançado para o seu próprio bem. É um sentimento de nostalgia por ser muito futurista, o que é uma espécie de paradoxo. 

Baby FuzZ, o alter ego de Sterling Fox, é indiscutivelmente um dos novos artistas mais interessantes da música. Em 2017, Fox estava prosperando como um dos compositores de maior sucesso no mundo da música pop, tendo escrito com nomes como Madonna, Max Martin, Lana Del Rey e outros.

De repente, e logo após a eleição de Trump, ele deixou a escrita colaborativa, mudou-se para o Canadá e desapareceu do mundo da música. Após um ano de isolamento em Montreal, Fox voltou aos Estados Unidos e ressurgiu como Baby FuzZ, um paradigma bizarro de glam rock audiovisual e normcore.

Ao longo de 2018, o FuzZ lançou singles e videoclipes produzidos por ele mesmo, atraindo a atenção de uma base de fãs leal. 

Por mais diversa que seja a música, as letras são uma narrativa singular e hiperconsciente, com fortes conotações políticas e sociais. Seu álbum de estreia, Plastic Paradise, quebrou o pop padrão, com seu som eletrizante e sem limites. O inimitável criador acumulou elogios de ilustres formadores de opinião como Consequence of Sound, Flaunt, Popdust, Indie Shuffle e muitos outros por seu som dinâmico e em constante mudança.



02 - THE BELMONDOS: BY YOUR SIDE
'Memory Lane', o terceiro e mais recente disco dos BELMONDOS, foi lançado em 20 de novembro de 2020 pela Le Pop Club Records, selo de pop indie francês/suíço. Influenciados pelo pop britânico dos anos 60, as 10 faixas de' Memory Lane 'abrem a caixa da memória.

'By Your Side' apresenta um clipe bem louco, mas muito gostoso de se ouvir, seja pela letra ou pelo instrumental. Confira abaixo:




03 - CHIARA FOSCHIANI: QUEEN OF DISASTER
Em maio de 2020, Chiara Foschiani se tranca no estúdio com Valentin Larbre, para gravar seu primeiro EP "Trouble Maker", uma mistura de dark pop e electro, que ela escreveu e produziu por si mesma, aos 17 anos.

Seu pop atmosférico, impulsionado por linhas de baixo e batidas intensas, mostra um som único, cheio de emoções. Chiara nos conta histórias com poderosos, letras às vezes perturbadoras. Com sua voz carismática e confiante, ela nos traz para seu mundo misterioso e afiado. Ela é a voz de uma geração comprometida, consciente e poderosa.

Chiara inspira-se em artistas de mente aberta e grande sensibilidade. Suas influências são Taylor Swift por sua escrita, Billie Eilish por seu minimalismo ou Lana del Rey por sua poesia.

"Queen of Disaster" fala sobre as lutas para sair de um ambiente tóxico ainda relacionamento realmente intenso. Romper com esse tipo de vínculo significa dar o primeiro passo em direção à paz interior, mas também o deixa realmente tenso, quebrado, solitário. É a última música do EP "Trouble Maker", que será lançado em 2021.



04 - OK JOHN: TAKE IT
Diretamente do Rio de Janeiro, OK John traz um enérgico rock alternativo/indie, com letras em inglês e trazendo influências de bandas como Arctic Monkeys e, voltando lá atrás, da banda que também dá razão a este site. 

O primeiro single do EP chama-se “Take It”, que é uma música rápida e energética com riffs de guitarra distorcidos e refrão melódico.




05 - FARRIS: ROCKET BLASTER

Diretamente de um canal da Holanda, onde mantêm seu estúdio dentro de um barco, FARRIS lança seu single Rocket Blaster, nem um pouco sutil, repleto de críticas a presidência dos EUA. 

Inspirada por anos de trabalho em Washington, DC para o governo dos EUA e em missões na África, Kathleen dá uma visão da sociedade, da política e da humanidade que convida as pessoas a estarem à altura da ocasião.

A mensagem velada sobre o atual presidente dos Estados Unidos é explícita, mas não óbvia. A música faz você querer gritar e gritar e bater com a cabeça e, finalmente, enlouquecer. É um apelo à ação pacífica. 

Musicalmente falando, a faixa traz guitarras fortes e batida contagiante unidas a um ótima vocal que me lembrou muito L7. Certamente são trunfos cativantes da indústria musical. Certamente uma música selvagem e prontíssima para estar tocando nas melhores rádios de rock espelhadas pelo mundo.



06 - ANDRE CORDOVA: I'LL SE YOU THERE
Andre Cordova é um cantor e compositor independente peruano nascido na Austrália com um talento especial para a versatilidade. Com sede em Sydney, mas criado nos subúrbios ocidentais, pode parecer um lugar improvável para encontrar alguém que possa cantarolar ao lado de nomes como Michael Bublé e Frank Sinatra, ou explorar suas raízes latinas com letras em espanhol, quanto mais perseverar em estilos como Pop, Rock, Alternativo, Indie, Folk, EDM, Experimental e uma pitada de Metal. Agora, Andre assumiu o Rap com seu novo single demoníaco 'I'll See You There'.




07 - DELEO: GOING HOME
Depois de ter lançado com sucesso 2 singles em um contexto de saúde complicado, Deleo continua a destilar os frutos de seu próximo álbum. E desta vez, com "Going Home", o combo Montpellier nos mergulha em um universo multidimensional meio anjo, meio demônio...

'Going Home' parece uma balada pura. Mas, na verdade, a música revela camadas como gavetas que se abrem infinitamente. Ao longo dos acordes vibrantes de um violão, uma voz começa a cantar uma melodia melancólica a uma distância cósmica que lembra a Gramática de Londres. Esta faixa evoca a tristeza suave do outono.




08 - BLANKS: OH NO
O artista lançou recentemente seu single 'Oh No'. A música é sobre perseguir seus sonhos e descobrir o que significa sacrificar coisas que você ama por ela. 

O som traz ótimos riffs no começo e uma bela linha de baixo. Ela foi lançada dia 23 e vocês podem ouvir logo abaixo.




09 - REYTONS: RED SMOKE
'Red Smoke' encanta seu ouvinte com uma tempestade de emoção ardente e intensidade tribal. A narrativa subjacente da faixa é um grito de guerra para seus fãs, incitando-os a se preparar para o retorno sempre antecipado aos shows ao vivo. Sem dúvida, sua maior faixa até agora, ‘Red Smoke’ atrai você para o alcance da banda ao lado de seu exército de Reytons esperando por você de braços abertos.

O novo single dos Reytons é uma pressão de excitação e rebelião, com guitarras fortes e vocais intransigentes alimentando as melodias cativantes e o lirismo da música.




10 - RAMBLER THE BAND: EP SAVAGES
Feito em seu estúdio caseiro, o EP foi gravado e produzido por Rodrigo Gutierrez, o homem
por trás do projeto. Músico autodidata, ele aprimorou suas habilidades ao longo dos anos. Agora ele está pronto para lançar uma experimentação de sons e temas através deste EP.

Rambler The Band leva você através da experiência humana com seu EP 
Savages de produção própriaCada faixa mostra uma experiência dentro da vida, desde segredos até passeios noturnos arrepiantes e a busca por algo novo.




11 - ROSE ROSE: SUGAR HILL

Rose Rose apresenta um novo capítulo no icônico movimento French Touch guiado por Daft Punk, Phoenix e Air. ‘Sugar Hill’ é uma música repleta de sintetizadores arejados, guitarras funk e vocais utópicos. Esta música retrata um som house que é tingido com disco dos anos 70, tons sonhadores e acordes sinfônicos, sobrepostos em linhas de baixo quentes e guitarras rítmicas. Tudo se transformando em uma atmosfera brilhante, assertivamente fundida com um sotaque pop.




12 - MUSICISMOST: PHEROMONE TOO
"Musicismost" foi formado em Chiswick, Londres, no verão de 2020. O vocalista e compositor Maniacal Honker disse: "Todos os membros da banda estiveram envolvidos na indústria da música durante o nos últimos 20 anos, mas nenhum de nós jamais esteve em uma banda de rock ... até agora!!! Além disso, os caras têm trabalhado em empregos não musicais todo esse tempo para pagar suas contas! Esta é a nossa primeira (e última!) Tentativa de ganhar a vida da música!"

Seu primeiro single 'Pheromone Too' foi lançado em 17 de novembro de 2020 e já ganhou cerca de 100.000 streams e 17.000 seguidores no Spotify desde o seu lançamento.

Trazendo uma bateria bem pesada, a música é um puro rock realmente incrível e vocês podem tirar suas próprias conclusões conferindo abaixo:




13 - NIMBO: O GOSTO DO AÇUCAR
Nasceu com apenas três notas tocadas no baixo, que permeiam a música toda. Com uma levada marcante, a canção, que traz uma reflexão sobre nossa jornada em vida (“morrer é esquecer o gosto do açúcar”), tornou-se a música mais ouvida do EP de estreia da banda recifense Nimbo, alcançando mais de 50 mil streams no Spotify desde seu lançamento.


14 - 
BLACK PAISLEY: SAVE THE BEST
Em 'Save The Best' eles mesclam um rock moderno com classic Rock, trazendo refrão cativante numa música repleta de riffs. A faixa está presente no álbum "Rambler", lançado recentemente.




15 - TREVISANI: TAMO NA PRAIA
Diretamente de Resende/RJ, Trevisani apresenta uma mescla entre Eletrônico, Pop e até mesmo rap na faixa 'Tamo na Praia', que traz beats  e rimas envolventes. unidas a um clipe/animação que é passado em looping e nos traz a sensação de estarmos sentados, admirando a praia, enquanto ouvimos um som pelo  celular.