Elio Sant'Anna Elio Sant'Anna Author
Title: Apresentados por nós em 2013, The Strypes tocou no Cultura Inglesa Festival 2015
Author: Elio Sant'Anna
Rating 5 of 5 Des:
Há 2 anos (Janeiro de 2013) apresentamos uma grande banda composta por 4 jovens entre 17 e 15 , mas que na época já haviam tocado no ...

Há 2 anos (Janeiro de 2013) apresentamos uma grande banda composta por 4 jovens entre 17 e 15, mas que na época já haviam tocado no David Letterman e tinham entre os seus admiradores nomes como Dave Grohl, Noel Gallagher, Elton John e muitos outros nomes. Com muito orgulho, pude ter o prestígio de assistir e entrevistar uma banda que mostrei para muitos leitores desse site há um tempo e nessa matéria exclusiva vocês poderão conferir fotos, setlist e tudo que aconteceu durante o show na 19ª edição do Cultura Inglesa Festival, que aconteceu no Memorial da América Latina, Zona Oeste de São Paulo.

Por volta das 16h (horário oficial do show) eles começaram o que seria o foi o primeiro show da banda em solo brasileiro. Iniciando com Now She's Gone (música presente no próximo disco, que durante entrevista exclusiva com a banda, foi dito que será lançado no mesmo dia para o mundo todo) o público presente já pode ter uma noção do que estava por vir: Muito riff, solo de guitarra, baixo, gaita e um dos melhores Rythm & Blues dos últimos anos.


Divulgando por aqui também o disco de estreia da banda, lançado em 2013, a próxima foi What A Shame (10ª música e 3º single do disco Snapshot), que seguiu com Best Man e Eighty Four (duas músicas serão lançadas no disco Little Victories, que será lançado mês que vem).

A sequência do setlist foi revezada entre faixas do EP 4 Track Mind e o próximo disco Little Victories. as danças com o ritmo da guitarra e solos de gaita em músicas como Cruel Brunnete, I Don't Wanna Know, Three Streets And A Village Green agitava o público durante os solos de guitarra e o público ainda fazia segunda voz em alguns momentos da música.




 Queen Of The Half Crown conta com uma batida mais rap, feita para ter uma interação com o público, que batia palma enquanto ele cantava e iam ao delírio com os solos feitos pelo Josh, integrante mais velho da banda, com 19 anos.  

 



Get Into It  é a 1ª faixa do próximo disco e também contava com a 2a voz do público, envolvido totalmente com o show dos jovens irlandeses, Scumbag City  é a música que o próprio Josh disse, antes de começar ela, que gosta de ver as pessoas dançando e pulando enquanto eles tocam, com ela a banda termina a sequência de músicas do próximo disco, a exceção disso é a música I Don't Wanna Know, do EP 4 Track Mind.


Mesmo com o público dividido entre pessoas que conhecem e não conhecem a banda, todos dançavam, batiam palma e eram dominados principalmente pela presença de palco do guitarrista Josh (talvez o mais simpático da banda).


Contribuíram também para agitação do público as brincadeiras e dancinhas entre Ross (que também interagia e conversava com os fãs mais próximos do palco) e Pete (que além das suas brincadeiras, foi na grade até uma fã, pegar um balão do Bob Esponja).



Apesar dos britânicos não terem uma presença de palco excepcional, eles nem se comparam a Alex Turner (que foi um porre no show de São Paulo) e outros artistas da terra da Rainha. 
Se por um lado, eles variam o setlist a cada show feito, o lado ruim pode ser justamente esse. Músicas como You Can't Judge A Book By The Cover (que foi a primeira música que vi deles, na 89 e tocou no show na Argentina) não foi tocada em São Paulo, assim como Monkey (outra que ouvi na 89 FM) que não está no setlist da banda.
Um grande exemplo de um setlist repetido é de Paul McCartney, onde muitos reclamam que não tem variações e surpresas, mas o lado bom é justamente esse, já que ele raramente deixa triste os fãs por ter tocada uma música num show e não ter tocado em outro, como aconteceu um The Strypes na Argentina e Brasil.

Me encontre na foto (Foto: Cultura Inglesa)

Thank you São Paulo....hope to see you again soon ✌️
Posted by The Strypes on Domingo, 21 de junho de 2015

O estilo dos garotos fazia com que todos participassem do show, nos momentos de uma batida feita para bater palma e levava o público ao delírio com os solos de guitarra feitos por Josh, assim como os solos de gaita e as dancinhas feitas por Ross.

Tava faltando foto do baterista (Foto: Cultura Inglesa)
Se a banda não era conhecida por muitas pessoas que estavam ali para ver Johnny Marr, com certeza eles deram um  ótimo cartão de visitas do que é a banda vinda diretamente da Irlanda para a grata surpresa que foi estar na 19ª edição do Cultura Inglesa Festival.

Em breve ENTREVISTA EXCLUSIVA COM THE STRYPES, feita momentos antes do show em São Paulo. Fiquem de olho no site!!

Assista abaixo alguns vídeos amadores do show:

Now She's Gone

What A Shame


Eighty Four


Cruel Brunnete


I Don't Want To Know



Get Into It


Scumbag City


Mystery Man


Hometown Girls


Still Gonna Drive You Home


Para conferir mais fotos tiradas por mim, acessem aqui!!
Todas fotos oficiais são encontradas no Flickr do Cultura Inglesa Festival, AQUI!!

Postar um comentário

 
Top