MUSOSOUP SINGLES #31: Nasmore, ANVR, Chapell, Jewelia, Balaciaga e mais entre novidades que passam por Vertentes do Rock, Pop, R&B e Hip-Hop/Rap



ROCK
NASMORE

É uma banda que aparece por aqui novamente, agora com o single divulgado nas plataformas de streaming na última sexta-feira e já presente entre as nossas descobertas da semana.

Intitulada 'When Will I Learn?', essa é uma faixa que entrega sonoridades voltadas para o classic rock, AOR, além de uma pitada de emo e heavy metal, mostrando para o público ouvinte toda a versatilidade da banda, seja com riffs/bateria pesados e envolventes ou por conta do estilo vocal que consegue variar entre algo mais rockeiro ou harmônico, além do grandioso solo de guitarra presente nos segundos finais da faixa e que certamente energizará todos os ouvintes.

"Projetado com dinâmicas poderosas que se transformam e transitam com precisão cirúrgica através de melancolia, serenidade melódica e instrumentação e vocais ao vivo que geram calor o suficiente para derreter seus alto-falantes - "When Will I Learn" queima as pontes entre o passado e o presente", comenta o release oficial.

Com um lirismo que com certeza será conectado a diversos tipos de ouvintes e uma musicalidade enérgica, animada e única, nós identificamos a banda trafegando pelo hard rock, metal, emo, alternativo, entre outros e proporcionando ao ouvinte uma experiência única e épica.

Ouça abaixo:




ANVR
Estão de volta entre as nossas descobertas com um single revelado nas plataformas de streaming há quase duas semanas e que iremos falar mais sobre abaixo.

Intitulado 'Dust', esse é um trabalho que trafega por vertentes do rock como o alternativo, entregando para o público ouvinte uma repetida e envolvente linha de guitarra, que se conecta perfeitamente a uma bateria cadenciada e ainda conta com uma linha vocal entoada com coração e lama durante toda sua extensão, atingindo nosso peito e nos fazendo se sentir dentro dessa música com alto teor emocional, ótimas paisagens sonoras e um refrão impactante.

"A instrumentação do single foi gravada no estúdio de Andreas - e produzida por ele. Os vocais eram uma combinação de vocais gravados em seu estúdio e vocais gravados no Sunset Recording Studios em Stellenbosch, Cidade do Cabo. A mixagem foi feita por Jürgen von Wechmar (Produtor, Engenheiro de Gravação, Engenheiro de Mixagem) e Tim Lengfeld da TL Mastering masterizou o single", comentam em release oficial, onde ainda falam mais sobre a faixa: "Eu escrevi a melodia durante um tempo em que as coisas eram bastante intensas e me apaixonei pela simplicidade do riff juntamente com esse vocal contundente e intenso - isso me permitiu realmente aumentar a complexidade vocal e entregar essa mensagem impactante ," diz Andreas "Também tinha essa ideia dessa construção lenta - austeridade - do movimento de abertura em uma queda maciça de impacto."

Ouça abaixo:




LOVE GHOST
Uma grandes bandas que descobrimos pela Musosoup, Love Ghost vem de Los Angeles para o mundo e está de volta por aqui, agora com um single revelado nas plataformas de streaming durante a última sexta-feira e que iremos falar mais sobre abaixo.

Intitulado 'Pulp', esse trabalho entrega para o público ouvinte uma sonoridade voltada para o pop punk, emo, rock alternativo e até mesmo uma pitada de grunge, com bateria pesada/intensas, ótimos riffs e uma linha vocal repleta de efeitos, que se conecta perfeitamente ao emo/pop punk presente em uma faixa que conta com um grandioso refrão e um lirismo sobre o relacionamento de um viciado com Deus, inspirados por Charles Bukowski e até mesmo pelas lutas da banda com depressão, solidão, drogas e vício em álcool, temas que com certeza serão identificados a diversos tipos de ouvintes.

Conhecido por suas músicas hiper-expressivas, Love Ghost é composto por Finnegan Bell (vocais, guitarra), Ryan Stevens (baixo, backing vocals), Daniel Alcala (guitarra, engenheiro de backing vocals), Cory Batchler (teclados, backing vocals) e Daniel Gallardo (bateria, backing vocals).

Ouça abaixo:




CORY M. COONS
É um artista que estreia por aqui com um single e videoclipe revelados nas plataformas de streaming/Youtube no último dia 15 e que iremos falar mais sobre abaixo. 

Intitulado 'Long Hard Rain', ele entrega para o público ouvinte uma sonoridade que se volta para o classic rock, AOR, Alt Country e também apresenta uma linha vocal com ótimas melodias e nos remetem a Bon Jovi em diversos momentos, sejam elas nas questões melódicas/rítmicas de voz ao longo de todo o background instrumental presente nessa belíssima canção. 

Essa e outras faixas da sua carreira podem ser ouvidas abaixo:




CHAPELL
É um artista de NYC, Estados Unidos e que aparece em nossas descobertas pela segunda vez, agora com um single revelado nas plataformas de streaming final de Maio e que iremos falar mais sobre abaixo.

Intitulado 'Wave as you Walk Past', ele apresenta uma sonoridade voltada para vertentes do rock como o indie/pop/alt/soft, além de uma pitada de riffs anos 80 e um estilo vocal completamente pop e entregando também um refrão que nos convida a cantar junto, enquanto toda a instrumentação e animada e não nos permite deixar parados, com belos riffs, batidas e melodias que se conectam a todo o lirismo narrativo do artista. 

Ouça essa e outras faixas do artista abaixo:




POP
JEWELIA
    
Vindo de Londres, Reino Unido, ela aparece por aqui com um trabalho revelado nas plataformas de streaming durante a última sexta-feira e que iremos falar mais sobre abaixo.

Intitulado 'No Lover', esse é um single que entrega para o público ouvinte sonoridades que passam pelo pop comercial, com uma linha vocal angelical e diversos elementos de batidas que são características do dance e nos dão uma pitada nostálgica do pop ao longo de sua audição. 

O lirismo da faixa gira em torno das emoções conflitantes de tentar rejeitar um relacionamento, por ter muita coisa acontecendo, apesar de sentir atração. "O refrão empoderador da música se encaixa nas linhas "Não, eu não preciso de nenhum amante" e "Eu tenho um milhão de problemas e você não é um deles"", como comenta em release oficial.

Sendo um dos trabalhos mais comerciais da artista até o momento, a faixa foi produzida por ela mesma e mixada por Niko Battistini, que já trabalhou junto a nomes como Charli XCX e MARINA


Essa e outras faixas da carreira da artista podem ser ouvidas abaixo:




ALEX KATE
Diretamente de Norwich, Reino Unido, ela é uma cantora e compositora que aparece por aqui com um belíssimo trabalho revelado nas plataformas de streaming final de Maio e que iremos falar mais sobre abaixo.

Sendo uma versão da faixa 'Dreams', de Fleetwood Mac, ela apresenta para o público ouvinte sua própria identidade para essa que foi definida pelo The Guardian como a melhor música do do artista.

Com uma linha de piano típica de baladas e uma linha vocal angelical/doce que dá ainda mais intensidade e potência a música, ela se transforma num grandioso pop contemporâneo que toca nossos corações e emociona durante toda sua audição dessa versão que apresenta vocais e instrumentais impecáveis, riquíssimos e que mostram toda a versatilidade e talento da artista e da banda formada por Tyler (que toca piano na faixa) e com produção de Mark Goslett.

Ouça abaixo:




ANNA BELLE
De Nashville, EUA, ele aparece por aqui com um trabalho de produção DIY e de estreia para o próximo álbum, já intitulado "SCHEHERAZADE".

Lançada nas plataformas de streaming no último dai 15, essa é uma faixa que entrega para o público ouvinte uma linha vocal angelical, entoada com coração e alma e que atinge nosso peito durante a audição dessa faixa que passa por vertentes como o pop contemporâneo, além de contar com elementos do synth wave/pop, dreampop e nos transporta para uma atmosfera totalmente anos 80, por toda sua extensão.

"Eu sinto que essa faixa é a minha mais quintessência até agora; realmente parece "eu"", comenta ela sobre esse trabalho, em release oficial.

Anna Belle se formou na Belmont University em 2020 e atualmente passa o dia ensinando voz, escrevendo e produzindo nas plataformas de músicas Songlorious e Songfinch, e trabalhando em seu próximo álbum intitulado SCHEHERAZADE.

Conheça mais sobre ela abaixo:




R&B
BALACIAGA
A artista da Flórida, Estados Unidos, aparece por aqui novamente, agora com um trabalho revelado nas plataformas de streaming há 10 dias e que iremos falar mais sobre abaixo.

Intitulada 'Twisted', essa é uma faixa que entrega toda sua identidade R&B, com vocais que penetram em nossa mente e se conectam a grandiosas batidas e instrumentação que nos convidam a dançar em dois, até mesmo nos relaxando durante toda a audição desse música que mostra toda a versatilidade de gêneros da artista e nos remete a um grande leque de nomes como Beyoncé, Rihanna, entre outros do hip-hop/R&B anos 90/00.

Ouça essa e outras faixas dela abaixo:




HIP-HOP/RAP
MILLIE BLOOMS
Diretamente do País de Gales, ela é uma artista que estreia por aqui com um trabalho revelado nas plataformas de streaming durante o [último dia 15 e que iremos falar mais sobre abaixo. 

Intitulado 'DNA', esse é um single que apresenta para o público ouvinte uma linha acelerada de vocal feminino, ótimos backings e batidas prontas tanto para estourar os falantes quanto para não deixarmos nossos corpos parados, involuntariamente ou não.

Sendo um trabalho muito bem construído, ele trafega pelo hip-hop/rap e mostra o melhor de cada uma dessas vertentes, nos remetendo a grandes nomes old school do gênero e nos transportando para o final dos anos 90/início dos anos 2000, talvez o grande auge dos artistas voltados para o gênero em questão.

"'DNA' é tudo sobre a intenção capitalista por trás dos padrões de beleza da cultura pop e seu efeito sobre meninas e mulheres, incluindo a própria Blooms. Situado em uma paisagem sonora retrô que só pode ser descrita como TLC atende a auto-aceitação sem remorso de Lizzo; É uma resposta à cultura de hoje que para ser percebido como atraente para os outros, você tem que se adequar aos padrões irreais de beleza. A pressão esmagadora que cria e destrói a saúde mental em tantas mulheres hoje", comenta a artista em release oficial, onde ainda complementa: "Eu escrevi essa música para lembrar às mulheres que somos suficientes e que podemos escolher onde colocamos nosso valor. Para algumas mulheres isso está na forma como apresentam sua aparência física, para outras está na obtenção de conhecimentos e habilidades e para muitas está colocado no que acreditam e nos legados que criam... todos esses valores têm seu lugar, todas temos um espaço neste mundo... O DNA é um hino para todas as mulheres!".

Ouça essa e outras faixas da careira dela abaixo:


Postar um comentário

0 Comentários
* Please Don't Spam Here. All the Comments are Reviewed by Admin.

CUPOM GAROTOSDL - EDITORA BELAS LETRAS




50 REAIS DE DESCONTO COM O CUPOM GAROTOSDL
mockup-joan-jett-1-verde
mockup-joan-jett-1-verde