Header Ads

       
  • Breaking News

    Show extenso, surpresas e mudanças no repertório marcam show do Bon Jovi em São Paulo

    LRM_EXPORT_20170924_010341

    Na primeira noite esgotada da São Paulo Trip, Bon Jovi e The Kills se apresentaram para mais de 45 mil pessoas, no Allianz Parque.

    LRM_EXPORT_20170924_003410

    Já com um público maior do que dia 21, logo na banda de abertura, o duo indie escolhido para o show de Bon Jovi se antecipou em 15 músicas e começou seu show até mesmo antes dos fotógrafos serem liberados para o pit.

    Se contrapondo no estilo, tanto musical quanto de interação da banda principal, pouco conversaram com o público (se é que teve alguma fala) e, tirando momentos que puxaram palmas do público, eles vieram de fato para apresentar seu som, com poucas palavras além disso.

    LRM_EXPORT_20170924_002945

    Apesar desse jeito, Alison estava a vontade, anda por parte da passarela da atração principal, batia cabeça, ajoelhava, usava grande parte do seu espaço e, por cerca de 1h, tocaram músicas como Heart Of  a Dog, Doing to Death e Monkey 23 (vídeos no final da matéria).

    LRM_EXPORT_20170924_004940

    Como o primeiro show começou mais cedo, o principal seguiu o mesmo passo e, por volta das 21h15 era exibido a bandeira do Brasil no telão, seguindo com imagens de São Paulo e os primeiros acordes da (nova) This House is Not For Sale.

    LRM_EXPORT_20170924_010112

    Logo após a primeira música, Jon já perguntava quem havia assistido ao Rock in Rio pela TV e afirmou "hoje será melhor!!". Podemos afirmar que foi mesmo, alterando a ordem de algumas músicas como In These Arms (que tocou no encore em Porto Alegre e ficou de fora do Rock in Rio) e acrescentando as surpresas Always e These Days, ambas não haviam sido tocadas na turnê brasileira, aparecendo pela última vez na Argentina.



    Se a idade está chegando para Jon Bon Jovi e ele não atinge mais o tom de muitas músicas, a inteligência e experiência que tem nesse ponto da carreira, fez ele jogar as partes mais altas de músicas como It's My Life, Bad Medicine e Livin' On A Prayer, para o público se esgoelar.



    Outro ponto que compensa essa parte é toda a dedicação da banda, que sempre mostra vontade e toda a interação entre Jon e o público. 



    Ele faz simplesmente de tudo! Conversa com o público, pede palma, chamou fã para o palco, cantando 'olho a olho' em Bed of Roses, foi para a grade, tirou selfie com celular de fã e teve muitos outros atos, não só dele, como da banda toda, que mostraram valer a pena cada centavo gasto no Allianz Parque esgotado.




    1. This House Is Not for Sale
      Play Video
    2. Raise Your Hands
      Play Video
    3. Knockout
      Play Video
    4. You Give Love a Bad Name
      Play Video
    5. Born to Be My Baby
      Play Video
    6. Lost Highway
      Play Video
    7. We Weren't Born to Follow
      Play Video
    8. Lay Your Hands On Me
      Play Video
    9. In These Arms
      Play Video
    10. New Year's Day
      Play Video
    11. (You Want to) Make a Memory
      Play Video
    12. Bed of Roses
      Play Video
    13. It's My Life
      Play Video
    14. Someday I'll Be Saturday Night
      Play Video
    15. Wanted Dead or Alive
      Play Video
    16. I'll Sleep When I'm Dead
      Play Video
    17. Have a Nice Day
      Play Video
    18. Keep the Faith
      Play Video
    19. Bad Medicine
      Play Video
    20. Encore:
    21. Always
      Play Video
    22. Livin' on a Prayer
      Play Video
    23. These Days

    Todas as fotos:

    LRM_EXPORT_20170924_010112