***BABUM*** ***BABUM*** Author
Title: KISSIN’ DYNAMITE: HARD ROCK TAMBÉM TEM ESPAÇO PARA LETRAS DE PROTESTO
Author: ***BABUM***
Rating 5 of 5 Des:
Mais uma quarta-feira por aqui (ainda é Agosto... MDS), e como de costume (porque Agosto tá durando uns 527 dias, então já dá pra dizer q...

Mais uma quarta-feira por aqui (ainda é Agosto... MDS), e como de costume (porque Agosto tá durando uns 527 dias, então já dá pra dizer que é uma tradição) euzinha aqui vim falar de uma banda de Hard Rock Underground (afinal, tenho uma reputação de tr00zona a manter aqui) que quase ninguém conhece no Brasil, a não ser eu, e mais 3 amigos que passam o dia buscando bandas novas nas playlists por aí.

Kissin’ Dynamite, uma banda de Hard Rock alemã, iniciada em 2006, por amigos de escola, e inicialmente, sem nenhuma intenção de fama, fortuna e mulheres. Começaram fazendo shows na escola em que estudaram, só pra divertir a galera mesmo, e notaram que muita gente curtia o som diferente deles: letras que protestavam contra a alienação da sociedade moderna, com uma sonoridade puxada para o Hard Rock do fim dos anos 80 e início dos 90.


Em 2007, incentivados pelos fãs colegiais, saíram disparando demos para os grandes selos e gravadoras na Alemanha e adjacências. E logo de cara, foram contratados pela Capitol Records, selo da EMI Music na Europa. Seu primeiro álbum “Steel of Swabia” foi lançado no fim de 2008, e o sucesso foi tanto, que no início de 2009, a banda já participava do festival Bang Your Head, um dos maiores da Europa voltado para o público de Hard Rock e Heavy Metal.



Em 2010 lançaram seu segundo álbum “Addicted to Metal” (queria entender esse povo do Hard que fala que na verdade é do Metal... Só se for Glam Metal, monamu... Segura essa marimba aí) que teve participação de grandes astros do Heavy Metal (esses do Heavy mesmo...) como por exemplo, Udo Dirkschneider, vocalista do UDO, que inclusive, convidou a banda para abrir os shows de sua turnê. Os moleques estavam mandando bem A ESSE PONTO!!!

Udo Dirkschneider, pra quem não conhece ainda
Após lançar o terceiro álbum “Money, Sex and Power” (esse ainda mais carregado de letras protestando contra a sociedade alienada), foram convidados pelo Steel Panther (O Massacration do Hard Rock dos EUA), para abrir os shows de toda a sua turnê pela Europa e Estados Unidos.

A banda ganhou notoriedade e nessa brincadeira toda, já está no quinto disco totalmente autoral, lançado recentemente, no início de 2016, “Generation Goodbye”. Pra variar, a banda é pouco conhecida no Brasil, como eu disse lá em cima, só eu e mais uns 3 amigos conhecemos (e eu tenho quase certeza que eles só passaram a conhecer porque eu apresentei a banda pra eles).


Falei, falei e falei do trabalho dos caras, mas não falei quem são esses amigos de colégio extremamente talentosos (e pasmem, o mais velho tem 25 anos!!!). Nos vocais, Hannes Brown, de 24 anos, revezando entre as guitarras solo e base, estão Ande Braun e Jim Mueller, ambos com 25 anos, no baixo temos Steffen Haile, também de 25 anos, e na bateria, o mais velho da banda, Andi Schnitzer, que completará 26 anos em Dezembro.

Da esquerda para direita: Ande Braun, Jim Mueller, Hannes Brown, Steffen Haile e Andi Schnitzer
Aí eu paro e penso, esses moleques são todos mais novinhos que eu, estão ganhando rios de dinheiro (em Euro, o que é pior) e o que é que eu tô fazendo da minha vida??? Quero voltar a ter banda, e quero agora!!! Vai que dessa vez dá certo???

Pra quem se interessou (e pra quem não interessou também... porque ninguém é obrigado), seguem alguns clipes dessa banda sensacional que eu tive a honra de descobrir e apresentar pra mais pessoas além daqueles meus 3 amigos...

Kissin’ Dynamite – Hashtag Your Life (2016):


 

(Ou Hetechege, como diria minha avó)


Kissin’ Dynamite – Money, Sex and Power (2012): 



(Só olhem esse visual mega glam maravilhoso do Hannes <3)

Kissin’ Dynamite – DNA (2014): 



(Eu jurava que era a Kat Von D nesse clipe... Mas é só uma mina tatuada linda demais mesmo)


Kissin’ Dynamite – If Clocks Were Running Backwards (2016): 


(Aquela baladinha marota pra fechar e manter esse dia chuvoso com essa cara de bad)

Postar um comentário

  1. hauhuahhua também tive o privilégio de conhecer essa banda fantástica no youtube e pesquizar mais ao respeito , me tornei fã pouco tempo e nisso indiquei para várias amigos e colegas , tentando aumentar a popularidade deles por aqui .chegando em 146 de acordo com a pagina do fã clube facebookTeambrazil , a tendencia é aumentar. Um forte abraço ;)

    ResponderExcluir

 
Top