Header Ads

  • Breaking News

    "O Que Range" é o primeiro EP de Rita Zart; Ouça aqui!!


    Rita Zart estreia com o EP O Que Range, produzido por ela, que nos bastidores  já é bastante conhecida, uma vez que assinou diversas trilhas do cinema independente, incluindo o vencedor do Prêmio Teddy de Ficção no Festival de Berlim, Tinta Bruta. A artista trabalha há mais de 15 anos com produção musical e só agora deu asas ao seu trabalho autoral que vem como um grito de liberdade. Ouça aqui. 

    Com influências que vão do cinema, música brasileira experimental, além de jazz, soul, tropicália, bossa nova até a vanguarda paulistana, a estreia de Rita marca um importante momento em sua vida: “Falo sobre inquietudes, memórias, alegrias e dores de existir sendo mulher no Sul do Brasil e deixo fluir o desejo de me expressar. O Que Range demorou pra vir e veio espinhento, um processo exposto. Nele me coloco em situação de desconforto, terreno íngreme, pontiagudo, corda bamba”. Em mais de 15 anos de estúdio, Rita perdeu a conta de quantos trabalhos fez para terceiros como produtora musical, locutora e compositora, até que neste ano ela sentiu que era a hora de ser a protagonista.


    Ouça abaixo:


    FICHA TÉCNICA DE O QUE RANGE

    Rita Zart: Produção Musical, Voz, Beats, Sintetizadores e Samples
    Pedro Saul: Pianos
    Giovanna Mottini: Guitarra
    Bruno Vargas: Contrabaixo

    Tiago Bello: Gravação e Mixagem 
    Brian Lucey: Masterização
    Catarina Bessell: Projeto Gráfico 

    Participações especiais

    Nina Nicolaiewsky: Voz em Apatia
    Clarissa Ferreira: Violinos e Rabeca em Apatia
    André Mendonça: Contrabaixo acústico em Inflamável
    Martin Estevez: Bateria em À Beira
    Bel Medula: Synths em O Que Range
    Tiago Abrahão: Mixagem de Linguagem

    Gravado e Mixado no Estúdio Gogó