Header Ads

  • Breaking News

    Abraxas lança novas músicas do Disaster Cities, Neon Desert e novo álbum de Pedro Salvador (Necro)


    Pedro Salvador, renomado músico alagoano, cujo principal trabalho é como guitarrista da Necro, está de volta em mais um trabalho solo de composições marcantes. Agora, acompanhado por uma banda, O Caos Rastejante, Pedro novamente está junto com a Abraxas Records no lançamento do disco Pedro Salvador & O Caos Rastejante, já nas principais plataformas de streaming: https://sl.onerpm.com/5336087198.


    A banda O Caos Rastejante é de peso, formada músicos de outras bandas do selo Abraxas, que assim como a Necro de Pedro, trabalham focadas no instrumental: Paulo Emmery (Auramental, Balbela, Beach Combers), Rodrigo Toscano (Psilocibina) e Vicente Barroso (Auramental, Balbela).
    As composições são calcadas na psicodelia e no jazz-rock, mas diferente dos últimos lançamentos instrumentais de Pedro, há aqui um foco grande em letras e no canto. "Não é exatamente um álbum conceitual, porém as músicas falam, de um modo geral, de uma energia primal criadora/destruidora, na qual deslizamos em nossa relação com a sociedade e seus signos. O caos que rasteja", explica o mentor.
    O disco ainda conta com participações muito especiais de Ana Galganni (Divina Supernova), Thiago Alef (Necro) e Bruno Palagani.



    Disaster Cities acaba de anunciar a faixa que abre os trabalhos de seu segundo álbum, que também será o primeiro full com a nova formação. 'The Best Way you used to know', que segue a linha inovadora e enérgica do que foi apresentado em LOWA, está na Spotify pela Abraxas Records. Confira: https://open.spotify.com/artist/3vKjfCsDtpVTKvUdU08O1M.

    O single ainda ganhou um clipe, produzido pela própria banda: https://www.youtube.com/watch?v=ViKLvP8mZRI.

    O single é o registro mais abrangente da Disaster Cities, se comparado ao debut lançado em 2018, álbum que rendeu ao grupo destaque nas listas especializadas entre os lançamentos do gênero no ano que passou. Tem referências ao grunge, tem stoner e rock contemporâneo, com samples.

    A música vai fazer parte do próximo disco, Erasing Karma, previsto para o primeiro semestre de 2020.
    De acordo com a banda, o disco é construído em cima da temática da ressignificação, com letras que discorrem sobre os dilemas da vida, os retornos e as mudanças.


    Banda revelação do concurso para abrir o show do ícone stoner Brant Bjork, cuja apresentação em São Paulo aconteceu dia 17/10, a Neon Desert agora estreia na Abraxas Records com o single Night Rush, entrando de vez no circuito do rock chapado. Ouça aqui: https://sl.onerpm.com/5685573300.
    Night Rush foi a primeira música gravada pela banda carioca. "Resolvemos lançar como single esse ano como um presente pro pessoal que curte a banda e estava ansioso por material inédito. Pode-se dizer que ela é um dos nossos Lado B e não fará parte de nenhum álbum especifico", conta o vocalista Lucas Pereira.
    O single condensa diversas influências da Neon Desert, que começa no rock clássico, passa pelo grunge, industrial e chega ao stoner. "Somos super fã de Queens of the Stone Age, então, quando escuto acho que o som tem muito dessa pegada deles", afirma o frontman. Mas tem também algo do Deep Purple, Nine Inch Nails, Stone Temple Pilots e até uma pitada de Soundgarden. "Meio louco, mas jogar no liquidificador é com a gente mesmo".