Header Ads

       
  • Breaking News

    Nova gravação mostra que "Abbey Road" não foi feito para ser o último disco dos Beatles; Ouça também versão remasterizada de "Oh, Darling"


    Prestes a completar 50 anos daqui duas semanas, os Beatles é uma banda que, anos após anos, continua aparecendo novidades, seja de informações sobre a banda, takes de discos ou desejos dos membros sobre o futuro dos Garotos Liverpool, caso que foi revelado nessa semana.

    Mark Lewisohn deu ao jornal The Guardian uma fita gravada durante reunião da banda, a pedido de Ringo Starr, que estava fazendo exames e queria ficar por dentro das decisões da banda. 

    Na gravação, é revelado o desejo de se fazer mais um disco após Abbey Road e também de George Harrison se igualar na quantidade de composições dentro do disco, que teria 4 músicas de McCartney, 4 de Lennon (dando autoria real, invés da emblemática Lennon/McCartney),4 de Harrison, além de duas composições de Ringo Starr.

    Na fita apresentada por Mark Lewisohn ao "Guardian", eles falam sobre o plano de lançar outro álbum — e talvez um single natalino. Pode-se ouvir John sugerindo que cada um deles trouxesse músicas candidatas ao single.

    John se refere ao "mito de Lennon-e-McCartney", indicando claramente que a autoria de suas canções, até agora apresentada ao público como uma parceria sacrossanta, deveria finalmente ser creditada individualmente. Então Paul responde à notícia de que George teria a mesma posição de compositor que John e ele próprio: "Até este álbum, pensei que as músicas de George não eram boas." E este responde, irritado: "É uma questão de gosto. No final das contas, as pessoas gostaram das minhas músicas. ”


    Um mapeamento das tensões que levariam à dissolução dos Beatles faz parte de "Hornsey Road", espetáculo teatral no qual Mark Lewisohn usa fita, filme, fotografias, novas mixagens de áudio das músicas e suas anedotas e recordações para contar a história de "Abbey Road".


    Leia mais no O Globo.





    A edição Deluxe do álbum terá 23 outakes e demos juntamente com 17 músicas originais que  Martin, filho do falecido produtor dos Beatles, George Martin, remixou das fitas originais. O lançamento está previsto para 27 de Setembro e inclui um livro de capa dura com 100 páginas de prefácio do Paul McCartney. Os formatos CD / Blu-ray e 3LP de quatro discos de edição limitada já estão disponíveis para pré-encomenda.