Elio Sant'Anna Elio Sant'Anna Author
Title: Spotify cria playlist "This is: Charlie Brown Jr."
Author: Elio Sant'Anna
Rating 5 of 5 Des:
As músicas deles foram trilha sonora de uma geração. De mais de uma geração, na verdade. A prova é que, mesmo após o fim do grupo e mes...

As músicas deles foram trilha sonora de uma geração. De mais de uma geração, na verdade. A prova é que, mesmo após o fim do grupo e mesmo sem nenhum lançamento há vários anos, o Charlie Brown Jr. foi a banda de rock nacional mais tocada no Spotify em 2016. 

Bem antes do CBJR, existiu uma banda (em Santos, litoral de São Paulo) chamada What’s Up. Foi nela que o baixista Champignon, aos 12 anos de idade, conheceu o Chorão. Não existem muitos registros do grupo pela internet, mas eles faziam um som bastante inspirado em bandas como Biohazard (http://spoti.fi/2jyLa5E) e SUICIDAL TENDENCIES - OFFICIAL (http://spoti.fi/2iXNr7E). Tempos depois, com a entrada de Marcão, Pelado e Thiago Castanho, aquele primeiro grupo virou o Charlie Brown Jr. Era 1992. Diz a lenda que o nome foi inspirado num incidente em que Chorão atropelou uma barraca de água de coco que tinha um desenho do Charlie Brown, o dono do Snoopy.

O primeiro disco do CBJR só foi sair em 1997, mas logo de cara eles emplacaram três mega hits: "O Coro Vai Comê!", "Proibida pra Mim (Grazon)" e "Tudo que Ela Gosta de Escutar". Na sequência, vieram hits tipo "Confisco", "Zóio de Lula” e... “Te Levar Daqui”, que bombou como abertura de Malhação de 1999 a 2006, destronando “Assim Caminha a Humanidade”, do Lulu Santos (http://spoti.fi/2ievH9f), que embalava a novela desde a estreia. (Em 2006, "Te Levar" foi substituída por outro hit do Charlie Brown, “Lutar Pelo Que é Meu”.).

Quando chegou o terceiro álbum, “Nadando com os Tubarões”, em 1999, a coisa ficou gigante. Foi quando a banda emplacou “Rubão - o Dono do Mundo” e “Não é Sério” , que teve participação da Negra Li.

O Charlie Brown se manteve no topo, conquistando recordes no decorrer da década seguinte. “Mas a vida tinha um plano e separou a gente…”. A banda teve um fim precoce em março de 2013 com a morte do Chorão. Dias antes, ele tinha visitado uma rádio acompanhado do filho e divulgado “Meu Novo Mundo”, primeiro single de “La Família 013” e quarta música mais ouvida deles no Spotify até hoje, com 8 milhões de streams.

Alguns números legais: eles têm, até hoje, 1 milhão de ouvintes mensais no Spotify. A cidade que mais ouve o som dos caras é São Paulo. A mais tocada deles por aqui é “Dias de Luta, Dias de Glória”, que já foi ouvida quase 10 milhões de vezes. Na sequência, vem “Só os Loucos Sabem”, com 9,2 milhões, e “Ela Vai Voltar", com seus 8,8 milhões.

É legal lembrar também que o Chorão era um músico bem eclético. Ele cantou "Posso Até Me Apaixonar", do Zeca Pagodinho, ao lado do Dudu Nobre; gravou com o Zeca Baleiro; com o MV Bill; com o Planta e Raiz… Ah, ele nunca chegou a fazer um som com o Guns N' Roses, mas deixou saudades até na banda do Axl Rose. “Mourning the loss of our brazillan brother, R.I.P. Chorão. This “Don't Cry” (http://spoti.fi/2iApMZU) now plays here for you”, eles disseram, num post no Facebook.



Leia texto completo do Spotify aqui.


Postar um comentário

 
Top