Millena Kreutzfeld Millena Kreutzfeld Author
Title: The Rolling Stones lançam Blue & Lonesome; Ouça aqui
Author: Millena Kreutzfeld
Rating 5 of 5 Des:
Nesse 2 de Dezembro os Rolling Stones disponibilizaram para audição o disco "Blue & Lonesome", primeiro disco da banda em...

Nesse 2 de Dezembro os Rolling Stones disponibilizaram para audição o disco "Blue & Lonesome", primeiro disco da banda em 11 anos e que conta somente com covers, 12 no total.

Depois do lançamento de Bigger Bang em 2005, os Stones estão de volta as suas origens. Se você estava esperando novidades e improvisações, pode ser que fique decepcionado.
O álbum é 100% de covers, que seguem a linha sonora do material original, que foi inspirado nas músicas de Little Walter, Howlin' Wolf, Magic
Sam, Eddie Taylor, Lightinin' Slim, entre outros.

Mick, Keith, Ronnie e Charlie estão em sua melhor forma - e se você os viu ao vivo recentemente, pode comprovar isto. Blue & Lonesome trata-se de uma explosão de blues. Com Charlie se esbaldando na bateria, Keef nos dando acordes mágicos, Jagger cantando como se fosse o último sobrevivente de uma apocalíptica Mississippi. Ronnie se mantém incrível, trabalhando em perfeita harmonia com Richards; combinando de tal maneira que somente os Stones conseguem.

A gravação ainda é mais surpreendente: foi gravado em apenas três dias, em Londres, em dezembro do ano passado e produzido por Don Was e os The Glimmer Twins (nome da parceria entre Mick Jagger e Keith Richards). O mais inusitado é que, Eric Clapton, que  também estava no mesmo estúdio, mostrou seus riffs pelo cd. O estúdio onde a mágica aconteceu foi o British Grove, do Mark Knopfler. Os Stones estavam lá para começar a trabalhar em músicas originais, para o aquecimento ensaiaram alguns covers, foram separando os favoritos e pronto: Blue & Lonesome feito!

Eles não tentaram recriar as músicas, eles tocaram da mesma forma que elas fizeram sucesso pela primeira vez, nos anos 50 e 60. E é maravilhoso que eles ainda podem sentar num estúdio, cara a cara, e tocar de tal forma, com uma conexão única, que não precisam de efeitos ou qualquer melhoramento para a performance.

Eles rasgam Commit a Crime, respiram o vigor fumegante de Blue & Lonesome e cantam All Of Your Love como se implorassem de joelhos por uma última chance pela felicidade.

No Blues, Mick Jagger não é nenhuma revelação, mas é com grande prazer que ouvimos ele cantar esses covers. Ele e Keith possuem tal harmônia, que um completa o outro.
Jagger sabe que não pode cantar como Little Walter, Howlin' Wolf fizeram, mas ele se diverte e está livre para fazer o que quiser. Seu compromisso e entrega com a música é glorioso.

Essa seleção de músicas prova que eles sabem o que fazem - e fazem da melhor forma, sem se estressar. A presença de Eric Clapton no disco torna tudo melhor do que já é, se isso for possível. Clapton toca em Everybody Knows About My Good Thing (a música é maravilhosamente executada com ele na guitarra - percebe-se que é uma tomada crua - quebra o clima com as músicas anteriores) e I Can't Quit You Baby (termina com aplausos dos músicos). Por mais endeusado que Eric seja, Ronnie pode ficar tranquilo que seu casamento de 41 anos com os Stones não acaba hoje. Nem tão cedo.

Brincadeiras à parte, tomara que este seja somente o aperitivo para o cd com originais que eles estão prometendo. Pode ser que Blue & Lonesome não te agrade, como foi falado no começo, mas com certeza é o tipo de álbum que deixa claro que eles ainda são a maior e melhor banda de rock de todos os tempos, mostrando que ainda estão com tudo.

Além da participação de Eric Clapton, há também Kristen Stewart, que está no clipe de Ride 'Em On Down.

Ouça aqui em sua plataforma favorita.

Clipe de Ride 'Em On Down:


Postar um comentário

 
Top