Elio Sant'Anna Elio Sant'Anna Author
Title: Em São Paulo, Sioux 66 e Mattilha fazem último show do ano
Author: Elio Sant'Anna
Rating 5 of 5 Des:
Com CD e EP lançados nesse ano, as bandas Sioux 66 (leia entrevista aqui ) e Mattilha (leia entrevista aqui  e aqui )  fizeram seus últimos...

Com CD e EP lançados nesse ano, as bandas Sioux 66 (leia entrevista aqui) e Mattilha (leia entrevista aqui e aqui)  fizeram seus últimos shows do ano, dentro do "Canil Fest III" evento da Anfitriã Mattilha, no Stage Bar.

Além das duas bandas, a Forte Norte (antiga Vallente), fez o primeiro show da noite, por volta das 19h. Logo em seguida subiu no palco a Sioux 66, que esse ano abriu shows do Aerosmith, Papa Roach e dois dias depois já estava no palco de novo, praticamente numa "festa da firma", realizada em meio a tantos amigos e fãs de cada uma das bandas.


Liderado pelo vocal de Igor Godoi, o show começou com Caos, Tudo Que Restou e O Rei, ambas do disco novo que pode ser ouvido aqui. Do disco de estreia, tivemos no repertório o single Porcos, além de Outro Lado.


Não se prendendo somente aos sons autorais, o show ainda passou por covers internacionais e nacionais, de artistas como Beastie Boys (com Fight For Your Right), Def Leppard (com Hysteria), Steel Dragon (com We All Die Young) e uma versão hard rock de O Calibre, sucesso dos Paralamas do sucesso e que está como single do disco lançado em Outubro.

Setlist:

  1. Caos
  2. Tudo Que Restou
  3. Porcos
  4. Fight For Your Right
  5. Hysteria
  6. O Calibre
  7. We All Die Young
  8. Outro Lado

Com EP lançado há dois dias (ouça e leia resenha aqui), a Mattilha abriu com Qual é o seu Veneno?, segunda faixa do lançamento intitulado A Carne É Fraca, que foi a terceira música do show. Tendo um disco de estúdio, o Ninguém É Santo rendeu a banda aparições em rádios, TVs, playlists do Spotify e uma turnê com mais de 100 shows em 6 estados. 


A faixa-título do disco é, para mim, a música mais profunda da banda, mostrando a essência de composição de instrumentalidade que é a Mattilha, além do motivo da banda estar conquistando todos feitos e fãs que estão conquistando pelo Brasil afora. No show, ela ainda teve uma participação no teclado, que deixou a música ainda mais bonita.


Tendo 10 músicas no setlist, o show encaminhava para o final com Depois das 3 (Rua Augusta) que já tem um clipe e é single do EP A Carne É Fraca.


Em Noites no Bar, Igor Godoi (Sioux 66) dividiu o vocal com Bibi (Mattilha) para cantar um dos maiores sucessos da banda, encerrando com estilo o último show do ano.


Setlist:

Postar um comentário

 
Top