Elio Sant'Anna Elio Sant'Anna Author
Title: Em carta aberta, EUA rejeita o pedido de Paul para não comerem peru
Author: Elio Sant'Anna
Rating 5 of 5 Des:
Uma carta nada amistosa direcionada a Paul McCartney, foi publicada nos EUA em resposta ao seu pedido para que os americanos não consumissem...
Uma carta nada amistosa direcionada a Paul McCartney, foi publicada nos EUA em resposta ao seu pedido para que os americanos não consumissem peru no Dia de Ação de Graças.

Eis alguns trechos do comunicado:


"Caro, Sir Paul


Obrigado, mas não, obrigado.


É encantador que um nativo da nação - ou melhor, do império culinário global - que deu ao planeta torta de enguia, cabeça de porco gelatinosa e pelo menos meia-dúzia de autênticos restaurantes ingleses expatriados, se sinta confortável dizendo aos americanos o que devemos ingerir em nosso feriado mais amado.


Mas renunciar nossos tradicionais perus de Ação de Graças? Enquanto isso devemos desligar o jogo do Dallas Cowboy e ligar no jogo do Manchester United? Eles têm líderes de torcida? Usam salto alto?


Veja bem, não duvidamos de sua sinceridade. Você escreveu 'Hey Jude', pelo amor de Deus. Você co-criou A Segunda-Feira Sem Carne que soa como uma ótima maneira de piorar o pior dia da semana.


Ação de Graças é muito importante. Muito americano. Realmente não tem sua influência. Você pode não estar ciente disso, sendo um súdito leal da rainha e tudo, mas o feriado foi celebrado pela primeira vez por peregrinos - você sabe, aqueles caras que se vestiam com caixas de aveia e atravessavam o Oceano Atlântico, especificamente para ficar longe de ingleses que tentavam lhes dizer o que fazer.


(Sobre a questão do peru) Queremos dizer: Tem um gosto muito bom. Mais de 45 milhões de perus serão consumidos na quinta-feira. Mais 22 milhões serão consumidos no Natal...


Falando jantares de Ação de Graças: Você está casado com uma mulher de Nova Jersey. Você já foi a uma Ação de Graças norte-americana?


Enfim, a coisa mais decepcionante de sua campanha não-peru é que foi muito pequena. Talvez seja demais esperar que você pense grande durante essa época. Afinal de contas, John Lennon usou a ocasião como inspiração para a sua anti-guerra 'Happy Xmas (War Is Over)', enquanto você veio com a canção de shopping 'Wonderful Christimas Time'. Ainda esperamos mais...


Sinceramente,

América"


Até o momento Paul McCartney não reagiu às mensagens um tanto quanto ofensivas.


Fonte: Portal Beatles Brasil

Postar um comentário

 
Top